RH do futuro: não deixe sua empresa de fora

Compartilhe este artigo na sua rede

Não há como negar: a tecnologia é a principal pauta de discussão quando o assunto envolve Recursos Humanos. Por isso, cada vez mais empresas buscam o People Analytics como uma solução de eficiência e aperfeiçoamento de gestão. É preciso se reinventar. Em um cenário onde os orçamentos estão cada vez mais apertados e o escape de talentos aumenta a cada ano, as organizações precisam buscar soluções inteligentes e que pensem em um futuro que já chegou: a análise de dados e a capacidade de prever cenários futuros entrou no cotidiano corporativo para não sair.

Para se ter uma ideia, os investimentos em Big Data e Analytics devem ultrapassar os 200 bilhões de reais em 2017. Mas por que tanto dinheiro? O diagnóstico demanda um tratamento intensivo e urgente. De acordo com a Gallup, apenas 13% dos funcionários estão engajados no mundo inteiro.

Esse é apenas um dado. Diversos outros indicadores mostram que as pessoas precisam ser tratadas como o maior patrimônio de uma empresa – e o People Analytics está aí para isso. Na Europa, pelo menos 20% dos trabalhadores não estão com a saúde-mental em dia. Na Bélgica, por exemplo, esse índice passa dos 50%.

A nível mundial, uma das últimas pesquisas da International Labour Organization (ILO) mostra que a qualidade dos ambientes de trabalho vem diminuindo. Enquanto isso, uma pesquisa da Securex mostra que a cada vez mais colaboradores estão ociosos dentro das empresas.

Nos Estados Unidos, a National Football League (NFL) é um exemplo do que a boa administração de dados pode fazer por uma organização. Depois de utilizar analytics, a NFL reduziu despesas e conseguiu fazer com que, entre outras coisas, os jogadores tivessem períodos descanso mais adequados a quantidade de treinos e jogos.

Entre as conquistas, foi possível reduzir o número de partidas consecutivas em 8,4%. Para se ter uma ideia, alguns times costumavam jogar quatro vezes em cinco dias – houve redução de 26% desses casos.

Grandes empresas de tecnologia como Google, Facebook, Apple e Amazon estão entre as primeiras gigantes a entender o mundo do People Analytics. Não à toa, essas companhias reúnem os melhores talentos e salários do mercado. Não deixe sua empresa de fora.

Não deixe de ler também…

O Guia Definitivo de People Analytics
People Analytics

O que é People Analytics?

A presença da análise de dados na área de gestão de pessoas se consolida a cada ano. Grandes corporações passaram a investir em soluções tecnológicas e obter avanços na performance dos colaboradores e nos resultados das empresas, mas muitos ainda desconhecem a definição e o que é possível esperar de People Analytics.  O que é

Leia mais »
A importância de delegar no bem-estar dos colaboradores
Gestão de Pessoas

A importância de delegar no bem-estar dos colaboradores

Apesar de ser uma habilidade fundamental, muitos líderes têm dificuldade em delegar. O benefício direto é claro: delegando, você se liberta para focar no trabalho que possui maior prioridade, ao mesmo tempo em que oferece a sua equipe desenvolvimento e crescimento pessoal e profissional.

Leia mais »
O papel das emoções em tomadas de decisões
Cultura Organizacional

O papel das emoções em tomadas de decisões

Quando nos deparamos com decisões difíceis e complexas, normalmente experimentamos emoções igualmente difíceis e complexas. Normalmente, não queremos ficar sentados com esses sentimentos desconfortáveis, então tentamos acabar com a tomada de decisão.

Leia mais »